Home » Blog » Whois
consulta brasil

Review da Whois – Ferramenta de Consulta: Pros e Contras

Quando deseja-se extrair informação relacionada a determinado domínio, utiliza-se esta ferramenta chamada Whois.

Ela tem como a principal finalidade a de estar disponibilizando as informações de domínio e outras coisas que podem ser úteis a quem está consultando tais dados.

Neste artigo abordaremos de forma clara sobre diversos detalhes relacionados a este procedimento, e como você pode estar utilizando o mesmo.

O que é Whois?

Traduzindo literalmente do inglês, Who is significa “Quem é”.

Se você simplesmente buscar no google por este termo, pode ser que para você a definição do que é seja um pouco confusa, então explicaremos aqui para que você tenha uma melhor compreensão do assunto.

Este serviço deu seus primeiros passos por volta da década de 70, quando a internet era bem jovem e muitas ferramentas atuais ainda eram projetos em aprimoramento.

O Whois tecnicamente falando, nada mais é do que um tipo de protocolo TCP que serve como um motor de busca para extrair informações de bancos de dados relacionadas a um domínio. Este protocolo busca as informações providas de entidades da internet em formato de texto, e são listadas de forma que seja bem amigável a quem está consultando.

Todos os domínios registrados na internet fazem parte do banco de dados desse protocolo.

Caso você tenha ou crie um domínio, fazendo uma consulta você facilmente verá que as informações serão listadas através do Whois.

Como faço para fazer utilizar a ferramenta?

Inicialmente, o método original de utilização era através de interfaces de linha de comando, porém como a internet evoluiu e se aprimorou, existem diversos sites que disponibilizam o uso desse protocolo.

O https://who.is e o https://whois.net são dois bons exemplos de sites que utilizam este recurso para estar obtendo as informações do domínio.

Vale ressaltar que diferentes sites que têm este recurso podem não se referirem a todos os domínios de forma global, podendo ser também apenas referente a uma extensão de domínio em específico.

Página inicial do https://whois.net

Inicialmente, o método original de utilização era através de interfaces de linha de comando, porém como a internet evoluiu e se aprimorou, existem diversos sites que disponibilizam o uso desse protocolo.

O https://who.is e o https://whois.net são dois bons exemplos de sites que utilizam este recurso para estar obtendo as informações do domínio.

Vale ressaltar que diferentes sites que têm este recurso podem não se referirem a todos os domínios de forma global, podendo ser também apenas referente a uma extensão de domínio em específico.

Em breve estaremos discutindo mais especificamente sobre o Whois da Registro.br.
A forma de consulta é muito simples, basta você inserir o nome do domínio a ser consultado na caixa de pesquisa.

Note que para esta consulta necessita-se apenas do domínio em si e não de informações desnecessárias de alguma URL do seu site, como por exemplo https://, /pagina.php ou até mesmo o www.

Se você inseriu tudo correto as informações relativas ao domínio serão listadas logo em seguida.

Se você recém criou um domínio e for tentar buscá-lo, possa ser que ainda não apareça na lista, pois possa ser que alguns dos servidores que disponibilizam o serviço ainda não tenha atualizado que o seu registro foi criado.

Whois e registro.br: Review

Ferramenta Whois do registro.br. Fonte: https://registro.br/2/whois

O registro.br é o órgão regulamentador de criação e manutenção de todos os domínios .br do país.

Por mais que você não compre um domínio diretamente através dele, sua informação estará diretamente ligada e é através do mesmo que o seu domínio estará disponível.
Da mesma forma que é responsável pelo gerenciamento desses domínios, o serviço também disponibiliza a ferramenta de consulta Whois em seu website.

Sendo um ponto positivo ter esse tipo de extensão de domínio para quem tem como público alvo o mercado nacional, a ferramenta Whois traz consigo suas vantagens e desvantagens quando relacionada a esses tipos domínio.

Prós:

  • Se algum indivíduo estiver utilizando um domínio para práticas como pishing ou scripts maliciosos, facilmente através deste recurso podem ser diretamente identificados.
  • É possível verificar se um domínio já foi registrado ou não através da utilização desse protocolo.
  • Método comumente utilizado para fins jurídicos ou rastreamento de fraude.
  • É possível obter um ponto positivo no SEO devido a possibilidade de verificação da autenticidade do conteúdo disponibilizado no site.

Contras:

  • Algumas informações como endereço de email, nome e CPF do proprietário podem estar disponíveis em uma simples consulta por esse protocolo.
  • Lembrando que algumas dessas opções por padrão podem ser ocultadas dependendo se a o indivíduo em questão está registrando o domínio como pessoa física, ou jurídica.
  • Isto pode ser considerado como uma vulnerabilidade e pode causar muita insegurança, pois ter suas informações disponíveis para qualquer pessoa certamente não é algo agradável para muitos, desde que por muitas vezes apenas o seu email pode se tornar uma brecha inicial para hackers.
  • Para aqueles que possuem ou desejam obter um domínio .com.br ou .br e desejam ocultar as suas informações, infelizmente esse serviço não é disponível.
  • O Registro.br segue a política que os outros regulamentadores mundiais de domínios também seguem, a de que estas informações devem ser publicamente disponibilizadas.
  • Devido ao email do proprietário estar publicamente disponível, torna-se possível uma grande brecha para o surgimento de spams, principalmente pela consulta da data de expiração do domínio estar facilmente acessível.

Privacidade de domínio

Se você ainda não decidiu qual domínio escolher ou planeja trocar o seu por algum motivo, esta é uma possível solução caso deseje se proteger e ocultar os seus dados.

Domain Privacy é o nome que se dá ao serviço que visa corrigir esse problema de exposição de dados que muitos reclamam.

Imagem meramente ilustrativa

A maioria das extensões internacionais como .com, .org, .info, .net e etc permitem que esse serviço seja utilizado sem restrições. Deve-se notar que não são todos os provedores de domínio que disponibilizam essa opção, então é aconselhável dar uma olhada sobre a disponibilidade dessa ferramenta antes de estar contratando o serviço.

Também é de grande consideração relevar se esta é uma boa opção ou não para o seu site, pois da mesma forma que ter seus dados disponibilizados publicamente podem trazer possíveis vulnerabilidades e impactos negativos, optar por privar seus dados também pode afetar de forma ruim como as pessoas podem confiar na veracidade do seu conteúdo.

Vejamos aqui alguns exemplos de prós e contras quanto a este tipo de serviço:

Prós:

Quando utiliza-se a privacidade de domínio, o proprietário do mesmo está possivelmente se protegendo de spams e outros contatos de terceiros que possam estar enviando uma falsa solicitação ao seu endereço de e-mail.

Se o seu site tiver um tráfego grande, possa ser que receba ligações ou mensagens indesejadas constantemente, então a ocultação do seu número de telefone também é um ponto muito importante quanto a esse recurso.

Outra vantagem é a possível proteção contra hijackers; estes podem estar tentando roubar, ou “sequestrar” dados devido a informações e vulnerabilidades encontradas que estão relacionadas ao seu domínio.

A omissão do seu email numa consulta Whois consequentemente pode reduzir tais riscos.

Contras:

  • Se você tem um website que lida com negócios e precisa de uma boa reputação, talvez omitir os seus dados possa não ser a melhor escolha a se fazer.
  • Para quem tem um endereço na web que tem seu conteúdo mais semelhante a blogs e que geralmente não estão associados a negócios e dados pessoais, essa pode ser uma boa escolha.
  • Porém, as pessoas tendem a ficar inseguras na hora de disponibilizar suas informações ou efetuar transações em um site que nem sequer informa dados de quando ou quem o registrou.
  • Consequentemente esta pode ser uma escolha desvantajosa se analisarmos a questão do SEO; pois transmite a falta de transparência e passa menos confiabilidade do conteúdo disponibilizado por você.

Há casos em que mesmo após a contratação desse recurso os dados continuam visivelmente públicos a qualquer pessoa que os consultar.

Algumas vezes pode-se obter essa funcionalidade de forma gratuita, porém é mais comum que sua aderência venha por um preço extra na hora de registrar o seu domínio.

Principais alternativas Pagas

A GoDaddy e a Hostinger que são duas empresas que incluem hospedagem de sites e domínios, também disponibilizam a privacidade dos seus dados na consulta Whois caso você opte por obter o serviço.

Screenshot da página da ferramenta de privacidade do GoDaddy. Fonte: https://br.godaddy.com/domains/full-domain-privacy-and-protection

Algo um tanto incomum no serviço da GoDaddy, é que eles disponibilizam um plano business de privacidade, quando esta ferramenta é comumente evitada ser usada quando se tem um negócio virtual.

Apesar dos preços serem bem diferentes, as duas empresas têm uma boa reputação quanto a esse serviço disponibilizado.

Muitos clientes que inicialmente não tinham uma privacidade de domínio e se queixavam por spams, ligações e e-mails, deram um bom feedback quando relatando sua experiência com essa ferramenta.

Alternativas Gratuitas

Por mais que o uso desse método seja mais utilizado através dos serviços pagos, atualmente também é possível adquirir essa utilidade de forma gratuita.

Para este artigo a principal recomendação gratuita será o serviço WhoisGuard do Namecheap, que compete de frente com todos os que são disponibilizados pagos.

Screenshot da página inicial do serviço WhoisGuard. Fonte: https://www.namecheap.com/security/whoisguard/

A Namecheap é uma provedora de hospedagem e domínios na internet. Assim como outros concorrentes do mesmo tipo, disponibiliza a opção de uma privacidade das informações associadas ao seu domínio.

Da mesma forma que a empresa disponibiliza a ferramenta Whois em seu site, também disponibiliza outra que omite seus dados da consulta.
Por ser gratuita, a WhoisGuard pode causar desconfiança quanto à qualidade e veracidade de serviço, fazendo com que muitos optem diretamente por uma opção paga.

Porém consideramos de grande relevância listarmos aqui seus principais benefícios e vantagens mesmo sendo uma ferramenta de graça.

Comparação: NameCheap x Outros Serviços

Comparação do WhoisGuard com outros provedores. Fonte: https://www.namecheap.com/security/whoisguard/

De cara a página da ferramenta se compara com outras empresas que disponibilizam a proteção, e mostra ser a que mais inclui funcionalidades de todas junto com a Network Solutions, porém é a única alternativa gratuita que oferece a cobertura de todos os serviços, estes sendo:

  • Proteção de dados pessoais
  • Proteção contra spams
  • Encaminhamento de e-mails
  • Expiração sincronizada
  • Editar contatos de domínio
  • Transferências de domínio
Opções para ativar o serviço WhoisGuard. Fonte: https://www.namecheap.com/cart/configuration/hosting/domainselection.aspx?producttype=whoisguard&product=whoisguard-protect-one&action=purchase

O provedor é bem transparente e se torna muito prático quando se precisa aderir ao serviço WhoisGuard.

Se você ainda não tem um domínio por lá, você pode comprar um novo e aderir o serviço. Se já tiver, pode simplesmente ativar o recurso.

É possível até mesmo transferir um domínio que você já tenha previamente para dentro do Namecheap.

Essa maleabilidade de opções se torna muito atrativa devido a não limitar o cliente a somente adquirir um de seus domínios ou planos de hospedagem para ter a funcionalidade desse serviço.

Assim como outros sites que disponibilizam a privacidade, o WhoisGuard apresenta suporte para a maioria das extensões internacionais mais populares.

As extensões indisponíveis para o serviço são:

.asia, .gg, .ca, .cn, .uk, .co.uk, .de, .eu, .in, .id, .me.uk, .nu, .li, .ch, .fr, .sg, .com.sg, .org.uk, .us, .es, .com.es, .nom.es, .org.es, .com.au, .net.au, .paris, .vote, .voto, .xn--3ds443g, .nyc, .to, e .org.au.

Também é bem relevante a aprovação da ferramenta por aqueles que a aderem.

As avaliações são por sua maioria positivas, e geralmente quem costumava ter problemas com ligações indesejadas e outros tipos de spam por email, sempre optam pelo serviço toda vez que desejam adquirir um novo domínio.

Conclusão

É imprescindível que a o protocolo de consulta Whois traz consigo diversas vantagens e desvantagens dependendo de como é o seu site e de como você pretende utilizar a ferramenta.

Se você deseja fazer uma compra ou verificar a veracidade do conteúdo de um site, fazer uma consulta por esse protocolo certamente lhe trará mais confiança e você terá certeza de quem está por trás do gerenciamento.

Ou se por outro lado você for o dono do site e queira que as pessoas tenham total confiança quanto aos seus serviços prestados online.

De forma alternativa se você frequentemente sofre com problemas de privacidade por receber contatos indesejados e se sente desconfortável por ter seus dados expostos, é bem provável que você se dê bem com um serviço de privacidade.

O mais importante é ter em mente as suas necessidades e no que o serviço vai lhe ser útil.

Nós esperamos que após todo esse conteúdo você se sinta mais informado e confiante quanto ao uso dessa ferramenta, e que também tenha sido ajudado e faça bom uso das nossas referências listadas aqui.

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no google
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no email